×
Éder Matheus
02.08.2020
12:35
Sophia Barclay, envolvida no caso Hian, revela estar recebendo ataques transfóbicos e ameaças de morte; entenda o caso!
Sophia Barclay, mulher trans que publicou o vídeo de Hian e sua mãe nas redes sociais.

Na última quinta-feira (30), um vídeo polêmico tomou conta das redes sociais. Nas imagens, uma mãe aparece indo tirar satisfações com seu filho após tomar conhecimento de comentários machistas e homofóbicos feitos por ele na internet.

Tudo começou quando o jovem Hian Quariguazil publicou em um grupo do Facebook que mulher só serve para ser “depósito de por**”. Após tomar conhecimento dos comentários do filho, a mãe do jovem foi tirar satisfações com ele, sendo surpreendida por sua reação. No vídeo polêmico, mãe e filho aparecem trocando agressões verbais e físicas, e a mãe chega a ameaçar denunciar seu filho à polícia.

Após toda a repercussão do caso, mãe e filho se pronunciaram sobre o caso em novo vídeo publicado nas redes sociais na tarde de sexta-feira (31). A mãe de Hian contradiz o que diz no vídeo anterior e afirma que não foi agredida por seu filho, e sim contida pois ela estava “muito nervosa”. Ela ainda direciona ataques à Sophia, a responsável por publicar o vídeo em uma página do Facebook, a chamando de “digital do sexo” e “biscoiteira”.

Entenda todo o caso clicando aqui.

Após o novo posicionamento da mãe de Hian, Sophia Barclay procurou a equipe do Portal Popeek para explicar como a história de fato aconteceu e contar que está constantemente recebendo ataques transfóbicos e ameaças de morte.

De acordo com Sophia, ela já havia feito uma publicação no grupo do Facebook em questão relatando sua história de vida, e teria sido ameaçada por Hian, que comentou “se eu vejo na rua eu meto a porrada” na publicação.

Sophia nos contou que um outro membro do grupo, Bruno, printou não só esse comentário de Hian, como uma publicação do rapaz em que ele dizia que “mulher foi feita pra depósito de po*** e limpar a casa e fazer comida”. As imagens foram enviadas por Bruno para a mãe do rapaz através do Messenger.

Comentário de Hian em grupo do facebook.
Imagem enviada por Sophia Barclay.

A mãe de Hian logo respondeu Bruno, afirmando que tomaria atitudes dentro de sua casa e apoiando uma denúncia contra o próprio filho. Nas mensagens, a mãe de Hian ainda questiona se ela fizesse um vídeo (tirando satisfações com seu filho), o vídeo poderia ser publicado dentro do grupo em que Hian fez os comentários citados.

Mensagens que a mãe de Hian enviou para Bruno.
Imagem enviadas por Sophia Barclay.

“Ela estava tentando postar o suposto vídeo viralizado no grupo mas não estava conseguindo então enviou o vídeo para o Bruno e pediu que ele postasse. O Bruno então me enviou o vídeo e pediu para eu postar em minha página, então fiz isso deixando minha opinião no título, achei que estava ajudando a mãe e as mulheres, pois no grupo também fazem muita zoação horrorizando a imagem das mulheres e de nós LGBTQ”, disse Sophia em mensagem ao Portal Popeek.

“Então fui acompanhando a grande repercussão que teve e fiquei chocada mais ainda, quando a mãe dele viu a repercussão que teve ela ficou com medo de acontecer algo com filho dela, acredito eu, e começou a fazer vídeos jogando toda culpa para cima de mim, então virei alvo de ataques, vários grupo do Facebook de “Shitpost” se juntaram para me atacar com comentários homofóbicos e maldosos, chegaram colocar uma foto minha ao lado da foto da Marielle Franco afirmando que meu destino seria o mesmo”, revelou Sophia.

Sophia contou ainda que chegou a receber ligação de madrugada com ameaças. Ela comentou ainda sobre o fato de ter sido associada a garotas de programa por ser uma mulher trans. “Chegaram me ligar de madrugada me ameaçando, está sendo horrível, cada comentários mexe com meu psicológico, no vídeo a mãe dele afirma que sou “garota de programa”. Por que ela tirou essa conclusão para ela? Pelo fato de eu ser uma mulher trans?”, disse.

Sophia Barclay continua atualizando seus seguidores sobre o acontecido em suas redes sociais.


leia também:
    Mais lidas
Sobre nós
O Portal Popeek foi fundado em novembro de 2019 por amantes das culturas pop e geek, visando informar seu público sobre as novidades nos mundos do cinema, televisão, literatura e múisca, prezando sempre pela transparência e agilidade no trabalho.
E-mail:
[email protected]

Redes sociais:
Popeek © 2019 - 2020
Tema por Danielle Cabral