Cena do "É De Casa" revolta internautas e apresentadora é acusada de racismo estrutural
×
Éder Matheus
13.06.2022
20:44
Cena do “É De Casa” revolta internautas e apresentadora é acusada de racismo estrutural

Talitha Morete, uma das apresentadoras do matinal “É De Casa“, da Globo, foi alvo de diversas críticas nas redes sociais nessa segunda-feira (13) após uma cena do programa exibido no último sábado (11) viralizar.

No momento em questão, Morete entrevista a cozinheira Silene, que vende cocadas no salão de beleza onde a apresentadora frequenta no Rio de Janeiro. Ela pede à convidada que, por ter feito a comida, sirva-a aos demais convidados e aos próprios apresentadores.

“Silene, a dona da cocada, vai fazer as honras da casa. Vai servir todo mundo, Silene. Por favor, pode oferecer que tá todo mundo querendo a sua cocada”, disse a apresentadora, entregando a bandeja para a cozinheira.

Na sequência, Manoel Soares, que também estava sob o comando do programa e aparentemente ficou incomodado com a situação, interviu no pedido da colega de trabalho e se prontificou a servir os demais presentes no estúdio.

“Olha só, vamos fazer o seguinte. Eu vou ser o seu garçom e você vai me orientar pra quem eu vou servir, porque você não vai servir ninguém. Para quem vai agora?”, disse o apresentador.

Confira o vídeo:

Nas redes sociais, o momento repercutiu negativamente e a apresentadora foi criticada por reproduzir um comportamento de racismo estrutural. “Tem que ser muito prejudicado das ideias (leia-se racista) pra achar que faz sentido fazer uma pessoa que tá sentada ficar de pé para começar a servir, quando você que tá de pé poderia fazer e ainda considerar isso uma forma de elogio”, disse um internauta. “Se o negrão não estivesse ali para amenizar estaríamos vendo um grande episódio (mais um) de humilhação da casa grande. Que Cilene tenha todo sucesso e respeito que ela mereça nessa vida”, escreveu um segundo usuário.

Ademais, não faltaram elogios para a postura de Soares. “Mas uma prova que não é a técnica que soluciona um problema, mas o sentimento. Ele sentiu. Por isso pretos precisam ir pra política”, comentou uma terceira pessoa. “Amei! Ele é muito sensível, sempre antenado e pronto para o combate dessas reproduções sociais racista”, disse um quarto internauta.

Após o vídeo viralizar nas redes sociais, Talitha publicou um texto em suas redes sociais se desculpando por seu comportamento. Ela garantiu que, antes de vir a público, se desculpou com Silene, a outra parte envolvida na situação.

“Antes de vir aqui, a primeira coisa que fiz foi falar com a dona Silene e pedir desculpas para ela. Eu também preciso me desculpar com todas as pessoas, com o meu público, pela minha fala. Errei e não há nada a ser dito para justificar ou minimizar esse erro, a não ser me desculpar. Desde sábado eu tenho refletido sobre o ocorrido. Eu tenho refletido sobre o lugar que ocupei nesse contexto. Como ser humano, como comunicadora, quero transformar esse episódio em aprendizado e num compromisso de vigília antirracista constante. É isso o que posso e devo fazer. Aproveito para agradecer ao meu colega Manoel Soares pela sensibilidade e o cuidado com a dona Silene. É muito importante quando estamos num grupo diverso que comprova como o mundo pode ser melhor quando inclui a todos”, escreveu ela em publicação no Instagram.


leia também:
    Mais lidas
Sobre nós
O Portal Popeek foi fundado em novembro de 2019 por amantes das culturas pop e geek, visando informar seu público sobre as novidades nos mundos do cinema, televisão, literatura e múisca, prezando sempre pela transparência e agilidade no trabalho.
E-mail:
[email protected]

Redes sociais:
Popeek © 2019 - 2022
Tema por Danielle Cabral