Aclamado ou massacrado: O que a crítica está falando do novo álbum de Demi Lovato?
×
Maurício Junio
07.04.2021
20:12
Aclamado ou massacrado: O que a crítica está falando do novo álbum de Demi Lovato?
Na última sexta-feira, Demi Lovato retornou com seu sétimo álbum, Dancing with the Devil… The Art of Starting Over, seu primeiro desde 2017

Na última sexta-feira, Demi Lovato retornou ao mundo da música com seu sétimo álbum de estúdio, Dancing with the Devil… The Art of Starting Over, seu primeiro álbum de estúdio desde 2017, quando lançou o aclamado Tell Me You Love Me. Aqui, ela aposta num álbum mais intimista, falando sobre seus problemas com álcool e drogas nos últimos anos, que resultaram numa overdose que quase causou sua morte, em 2018. E a crítica gostou!

Com parcerias de Noah Cyrus, Sam Fischer, Ariana Grande e Saweetie, o álbum foi bem recebido pela crítica especializada, que destaca a potência vocal de Lovato, suas letras intensas e a boa produção. No site Metacritic, o álbum possui nota 73 até o momento, a segunda maior nota da cantora na plataforma, atrás apenas de Confident, de 2014. Confira alguns comentários da crítica:

Os fãs ficarão emocionados ao ouvi-la soar tão brincalhona.” – New Musical Express (NME)

O lançamento deste álbum coincide com o documentário mencionado acima, e como os detalhes da recuperação poderosa de Lovato continuam a se desenrolar; há um pouco de preocupação na ideia de que este álbum é um pouco intrinsecamente ligado a outra narrativa muito pública. Ela nos diz, mais e mais no álbum, que esse capítulo devastador de sua vida acabou e se foi. No fechamento dolorido e terno, ela canta que está em um “bom lugar” em uma faixa de mesmo nome [Good Place]. Eu quero desesperadamente acreditar nela.” – Consequence of Sound

A natureza diarística da música e a força contundente com que é transmitida mostram Demi Lovato pessoa e a Demi Lovato artista. É uma posição nada invejável: ter uma história tão angustiante que a catarse emocional que sentimos na vida real ofusque o que ela queria criar no álbum.” – Pitchfork

Em última análise, Dancing with the Devil… The Art of Starting Over cumpre a promessa da primeira metade de seu título e economiza na segunda. Ela passou por um inferno, é claro. Mas sua música não deixa claro como ela quer começar de novo.” – Rolling Stone

Ouça o álbum:


leia também:
    Mais lidas
Sobre nós
O Portal Popeek foi fundado em novembro de 2019 por amantes das culturas pop e geek, visando informar seu público sobre as novidades nos mundos do cinema, televisão, literatura e múisca, prezando sempre pela transparência e agilidade no trabalho.
E-mail:
[email protected]

Redes sociais:
Popeek © 2019 - 2021
Tema por Danielle Cabral