"Deserto Particular" é escolhido para representar o Brasil no Oscar 2022
×
João Pedro G. Tonioli
15.10.2021
16:04
“Deserto Particular” é escolhido para representar o Brasil no Oscar 2022

Dentre uma lista de grandes produções brasileiras com potencial para representar o país no Oscar 2022, foi anunciado pela Academia Brasileira de Cinema e Artes Audiovisuais nessa sexta-feira (15) que o escolhido para tal cargo foi “Deserto Particular“, longa de Aly Muritiba. A produção agora entra na longa lista de produções mundiais que disputarão as cinco vagas para a categoria de Melhor Filme Internacional.

Deserto Particular” traz a história de Daniel, interpretado por Antonio Saboia, um policial exemplar, mas que acaba cometendo um erro que coloca toda sua carreira em risco. O policial sai de Curitiba e vai até o sertão baiano em busca de uma mulher com quem vem se relacionando virtualmente.

O longa já foi premiado no Festival de Veneza na mostra paralela Venice Days com o Premio Del Pubblico BNL. Ele também fará parte da lista de exibição da Mostra Internacional de Cinema de São Paulo que se inicia no próximo dia 21 de outubro e chegará aos cinemas nacionais em 25 de novembro.

Recebi a notícia com muita alegria. Me sinto muito honrado por ter sido escolhido pela Academia Brasileira de Cinema para representar o Brasil na disputa do Oscar de 2022” disse o diretor ao G1.

Aly Muritiba é um cineasta baiano conhecido por dirigir os longas “Para Minha Amada Morta“, de 2015, e “Ferrugem“, de 2018, além da recente aclamada minissérie do Globoplay, “Caso Evandro“.

“‘Deserto Particular’ é um filme de amor e acho que ele vem num momento muito salutar, em que a gente precisa construir narrativas de amor. A gente passou quase dois anos em casa trancafiados, perdendo pessoas, vivendo sob a égide de governos conservadores, como o caso do Trump nos EUA e do Bolsonaro no Brasil, em que o discurso de ódio era o discurso preponderante.”

Deserto Particular” foi o selecionado entre outras 15 produções, sendo elas: “7 Prisioneiros“, “A Nuvem Rosa“, “A Última Floresta“, “Cabeça de Nêgo“, “Callado“, “Carro Rei“, “Cavalo“, “Doutor Gama“, “Limiar“, “Medida Provisória“, “Meu Nome é Badgáa“, “Por Que Você não Chora?“, “Selvagem” e “Um Dia com Jerusa“.

Então aparecer um filme que fala de tolerância, encontros e amor nesse momento de ódio é muito salutar. Estou feliz e honrado, com uma responsabilidade grande que pretendo levar com leveza, carinho, afeto e amor“, finalizou o diretor.

Assista ao trailer:

Ao todo, o Brasil já recebeu 4 indicações na categoria de Melhor Filme Internacional, tendo sido a última delas em 1999 com “Central do Brasil“. As outras indicações vieram em 1998 com “O Que É Isso, Companheiro?“, em 1996 com “O Quatrilho” e em 1963 com “O Pagador de Promessas“, não vencendo nenhuma delas.


leia também:
    Mais lidas
Sobre nós
O Portal Popeek foi fundado em novembro de 2019 por amantes das culturas pop e geek, visando informar seu público sobre as novidades nos mundos do cinema, televisão, literatura e múisca, prezando sempre pela transparência e agilidade no trabalho.
E-mail:
[email protected]

Redes sociais:
Popeek © 2019 - 2022
Tema por Danielle Cabral