Jornalista expõe votantes do SAG e diz que Kristen Stewart foi esnobada por homofobia
×
Maurício Junio
15.01.2022
13:33
Jornalista expõe votantes do SAG e diz que Kristen Stewart foi esnobada por homofobia
A Internet reagiu com grande incomodo após a esnobada que Kristen Stewart sofreu no SAG Awards por seu trabalho no filme Spencer.

A internet reagiu com grande incomodo após a esnobada que Kristen Stewart sofreu no Screen Actors Guild Awards por seu trabalho no filme Spencer. Muitos acharam que a concorrência estava forte demais, mas será que a atriz mais premiada da temporada não era capaz de conquistar uma das cinco vagas que estavam disponíveis? Hoje, um jornalista do USA Today disse que conversou com alguns votantes do SAG sobre o porquê deles não terem votado em Stewart e, por mais que as respostas sejam decepcionantes, não são grandes surpresas.

Jason conversou com 10 pessoas que são votantes, mas estão fora da ala de atores do Sindicato dos Atores – além de atores e atrizes, o SAG conta com radialistas, redatores e jornalistas da TV local. Todos eles expuseram opiniões de indiferença ou de ódio total em relação a Kristen. Tentando se aprofundar um pouco mais sobre os motivos reais, ele conversou com uma dessas pessoas, que respondeu dizendo que não votou na intérprete da Princesa Diana pois ela “não gosta de homens“.

“Há algo na teoria de que o apelo limitado de Kristen Stewart além dos atores tradicionais pode tê-la prejudicado na SAG. Falei com 10 membros do SAG que não estão na industria (redatores, jornalistas de TV local e rádio), e a opinião sobre ela variou de indiferença ao ódio total”
“Você perguntou o porquê deles odiarem ela? Uma pessoa que eles nem conhecem?”, perguntou uma pessoa. “Tentei me aprofundar com um dos eleitores tentando entender… era muito infundado e beirava a “ela não gosta de homens”, então deixei de lado”, respondeu Jason.

Stewart mantem um relacionamento de longa data com Dylan Meyer, com quem está noiva atualmente. No passado, ela já namorou com o ator Robert Pattinson, a cantora St, Vincent e alguns outros nomes populares. Sua sexualidade e sua vida pessoal foram justificativas para que pessoas, que não a conhecem além de seu trabalho, não votassem em sua performance em Spencer.

E não foi apenas Stewart a única artista LGBTQI+ esnobada do SAG este ano. Billy Porter, MJ Rodriguez e todo o elenco de Pose, uma das séries mais aclamadas do ano passado, também ficaram de fora. Casey Mink, editora do Backstage, também repercutiu o ocorrido: “Eu pensei que sem o Globo de Ouro este a temporada de premiações seria menos caótica, mas o SAG vai lá e me esnobada a Kristen Stewart? Boa sorte em tentar me convencer que isto não se trata de um caso de homofobia“.

Na história recente do SAG, tem-se apenas dois casos de artistas LGBTQI+ sendo reconhecidos pelos eleitores. Foi o caso de Sarah Paulson por American Crime Story e o elenco de Orange is the New Black. Também na última semana, a revista Vanity Fair fez um artigo comentando sobre a falta de atores e atrizes LGBTQI+ indicados aos prêmios de melhor ator e atriz no Oscar; eles destacam que, nos últimos 20 anos, apenas um homem gay e duas mulheres bissexuais foram indicados – porém, a Academia não vê problemas em indicar atores e atrizes heterossexuais interpretando LGBTIQ+.

Não é exatamente uma novidade que Kristen Stewart sofre apagamento dentro de Hollywood deste o fim da saga Crepúsculo. Na época, Stewart tinha dificuldades em conseguir novos trabalhos por preconceito diante de seu trabalho da franquia de vampiros e por sua sexualidade. Isso fez com que ela apostasse no cinema europeu, onde trabalhou com diretores renomados, como Olivier Assayas. Em 2016, ela recebeu o César Awards de melhor atriz coadjuvante, considerado o Oscar francês, por seu trabalho em Acima das Nuvens – ela foi a primeira estadunidense a fazer isso.

Em 2019, enquanto distribuía o remake de As Panteras, a diretora Elizabeth Banks comentou que Stewart aceitou participar do filme em uma tentativa de fazer com que o seu nome voltasse a ser comentado em Hollywood, após anos de boicote3. Mesmo com trabalhos aclamados pela crítica, premiados por sindicatos internacionais e círculos de críticos, e parcerias com diretores renomados, sua vida pessoal ainda é um problema para fazer com que ela seja reconhecida.

O fato de Kristen Stewart ter ficado fora do SAG fez com que diversos jornais renomados se posicionassem contra o que aconteceu. A Variety fez um artigo sobre o ocorrido e o definiu como a ausência mais chocante na história da premiação. Além disso, perfis populares e redes sociais também se posicionaram contra o ocorrido – leia mais clicando aqui.

O SAG não se posicionou sobre as acusações. A premiação acontecerá em 27 de fevereiro.


leia também:
    Mais lidas
Sobre nós
O Portal Popeek foi fundado em novembro de 2019 por amantes das culturas pop e geek, visando informar seu público sobre as novidades nos mundos do cinema, televisão, literatura e múisca, prezando sempre pela transparência e agilidade no trabalho.
E-mail:
[email protected]

Redes sociais:
Popeek © 2019 - 2022
Tema por Danielle Cabral