Karol Lannes revela suporte de Adriana Esteves em "Avenida Brasil" e conta por que não fez mais novelas desde então
×
Éder Matheus
17.01.2021
10:09
Karol Lannes revela suporte de Adriana Esteves em “Avenida Brasil” e conta por que não fez mais novelas desde então
Karol Lannes, a Ágata de Avenida Brasil, em cena com Adriana Esteves, a Carminha na novela.

A atriz Karol Lannes, intérprete da Ágata em “Avenida Brasil“, revelou em seu TikTok como funcionavam os bastidores de sua personagem na novela de João Emanuel Carneiro. Segundo Karol, ela tinha acompanhamento psicológico durante as gravações da novela, devido à sua personagem que sofria bullying constante da mãe. Apesar disso, a atriz revelou que quem mais lhe deu suporte emocional nos bastidores foi Adriana Esteves, que interpreta a mãe de Ágatha na novela.

“Sim, eu tive um acompanhamento psicológico leve dos coachs da Rede Globo, porque eu fazia um personagem que sofria muito bullying da própria mãe. Mas pasmem: quem mais me deu suporte emocional durante Avenida Brasil foi a Adriana Esteves, e os outros atores, mas principalmente a Drica”, contou Karol.

Ela disse ainda que antes e depois de qualquer cena em que Carminha fazia bullying com Ágata, a atriz lhe confortava. “Antes de cada cena nossa, ela parava, me olhava, me abraçava, segurava minha mão e falava: ‘Você é linda, você é inteligente, eu gosto muito de você’. A gente ia lá, contracenava como Ágata e Carminha, quebrava o pau. Respirava, acabava a cena, ela voltava para mim, segurava minha mãe e falava: ‘Você é linda, eu gosto muito de você'”, continuou a atriz.

Apesar das cenas de bullying constantes da novela, Karol deixou claro que interpretar Ágata não afetou negativamente seu psicológico, pelo contrário, ajudou em sua autoestima. “Eu sempre soube separar muito bem o que é um personagem da vida real. Então, Ágata não me deixou traumas. Sofri bullying na escola por causa dela, mas acho que ajudou a fortificar minha autoestima hoje em dia”, revelou.

Em outro vídeo, Karol revelou o motivo por que não fez mais novelas depois de “Avenida Brasil”. A atriz, que já tinha atuado em “Duas Caras“, “Ciranda de Pedra” e “Tempos Modernos” na Rede Globo, contou que foi pressionada a emagrecer para conseguir outros papéis na emissora. “Eu tive um contrato bem grande com a Rede Globo, fiz 4 novelas, filmes e participações, e quando esse contrato acabou, ele não foi renovado. E um diretor chegou e falou que eu teria que emagrecer absurdamente se eu quisesse fazer um outro papel depois da Ágata de Avenida Brasil. E o que aconteceu foi que eu não emagreci absurdamente”, contou a atriz.

Ela disse ainda que o único papel na TV que lhe foi oferecido após o sucesso como Ágatha foi em “Malhação“, mas recusou pois ela, mais uma vez, precisaria interpretar uma personagem gorda que sofria bullying. A atriz disse que tem muita vontade de atuar, mas quer fugir dos personagens esteriotipados que são oferecidos à mulheres gordas. “Eu tenho meu sonho de voltar a atuar, mas acho que falta uma representatividade aí, de que mulheres gordas, atrizes gordas, não têm que fazer papeis alegóricos. Sim, você pode ser uma pessoa gorda e fazer uma vilã, uma protagonista, uma mocinha”, finalizou Karol Lannes.

Assista aos vídeos:


leia também:
    Mais lidas
Sobre nós
O Portal Popeek foi fundado em novembro de 2019 por amantes das culturas pop e geek, visando informar seu público sobre as novidades nos mundos do cinema, televisão, literatura e múisca, prezando sempre pela transparência e agilidade no trabalho.
E-mail:
[email protected]

Redes sociais:
Popeek © 2019 - 2021
Tema por Danielle Cabral