''MONTERO'', de Lil Nas X, é aclamado pela crítica especializada e estreia com média 90 no Metacritic
×
Amanda Passos
17.09.2021
15:46
”MONTERO”, de Lil Nas X, é aclamado pela crítica especializada e estreia com média 90  no Metacritic
Lil Nas X é aclamado pela crítica especializada e seu álbum estreia com média 90  no Metacritic

Lil Nas X é, definitivamente, uma das maiores estrelas da sua geração. O rapper, que alcançou um sucesso estrondoso após bater o recorde com ”Old Town Road” de música a passar mais tempo em #1 na Hot 100 da Billboard, parada musical americana, revolucionou a indústria do pop e hip-hop após se assumir homossexual e lançar seu álbum ‘‘MONTERO”, um dos trabalhos mais aguardados do ano.

Tudo começou no início do ano, quando o cantor iniciou a sua era com a música ”MONTERO (Call Me By Your Name)”, carro-chefe do álbum. Além de falar sobre relações sexuais entre homens do mesmo sexo, Lil Nas X lançou um clipe que deu o que falar, fazendo uma crítica sobre a analogia cristã entre os homossexuais e o diabo, chegando até mesmo a rebolar no colo de Lúcifer, interpretado no clipe por ele mesmo. Confira abaixo:

A partir daí, sua abordagem ficou mais ousada, apostando em temas polêmicos, na sensualidade e coreografias que relembram as divas pop dos anos 2000 e 2010. Logo em seguida, lançou ”INDUSTRY BABY”, uma parceria com Jack Harlow, que também abordava o temas sexuais. Por último, ontem, o último single de sua era até então foi lançado, intitulado ”THATS WHAT I WANT”, que conta com a participação de seu dançarino e namorado, Yai Ariza. O casal assumiu o namoro no clipe em clima quente, fazendo diversas referências ao filme ”Brokeback Moutain”. Assista aos dois clipes aqui:

Mas e aí, o que a crítica está falando sobre ”MONTERO”, um dos álbuns mais aguardados do ano? O primeiro álbum do cantor não deixou de impressionar e já agregou diversas críticas positivas por aí. Por causa disso, o trabalho estreou no Metacritic, plataforma de reviews da crítica especializada, com uma média de 90. Alguns destaques são as críticas da revista Rolling Stone, The Guardian e Independent UK. Leia:

”Você espera que o álbum se recomponha e termine com uma nota otimista, mas isso não acontece. Em vez disso, o mais próximo é Am I Dreaming? “Nunca se esqueça de mim e de tudo que eu fiz”, ele canta, como se esperasse que sua onda de sucesso atual seja passageira. Na evidência de Montero – um álbum do qual você pode extrair praticamente qualquer faixa e ser recompensado com um hit – ele não precisa se preocupar. Os anunciantes provavelmente ainda estarão batendo em sua porta por um longo tempo.”The Guardian.

”Em seu álbum de estreia, ele continua em busca de novos caminhos, sabendo que sua maior mercadoria é seu próprio carisma elástico. Em “Dead Right Now”, Lil Nas X dá a seus sonhos na indústria da música um drama de vida ou morte, contando como seu pai uma vez o sentou e deu-lhe uma chance em um milhão, em uma cena que parece sob medida – feita para a cinebiografia ganhadora do Oscar que certamente virá em breve. Atriunfal “Industry Baby”, com Louisville, Kentucky, o rapper Jack Harlow, dá à carreira de Nas uma vibe de oprimido semelhante, cantando “Eu estourei de sucesso / Agora todo mundo está tentando me processar”. Vindo de qualquer outra jovem estrela, esse tipo de sentimento pode parecer uma reclamação de celebridade. Vindo de Lil Nas X – cujos Nikes demoníacos realmente causaram uma batalha judicial tão absurda que poderia muito bem ter sido arte performática pós-moderna – é simplesmente honesto.” Rolling Stone.

”Feche os olhos enquanto ouve Montero e você quase pode sentir os confetes do arco-íris caindo do teto e grudando em suas lágrimas. Esse álbum não é a criação de um mágico cheio de truques. Esse é um álbum que tem um coração que explode em tecnicolor. Agora, onde escondi aquele amplificador de som?” – Independent UK.

Ouça ”MONTERO” nas plataformas digitais. O álbum conta com parcerias com Doja Cat, Elton John, Megan Thee Stallion, Jack Harlow e Miley Cyrus:


leia também:
    Mais lidas
Sobre nós
O Portal Popeek foi fundado em novembro de 2019 por amantes das culturas pop e geek, visando informar seu público sobre as novidades nos mundos do cinema, televisão, literatura e múisca, prezando sempre pela transparência e agilidade no trabalho.
E-mail:
[email protected]

Redes sociais:
Popeek © 2019 - 2022
Tema por Danielle Cabral