Todos os paredões falsos do BBB, do pior para o melhor
×
Éder Matheus
06.04.2022
12:18
Todos os paredões falsos do BBB, do pior para o melhor
Participantes que estrelaram paredão falso do BBB.

O BBB 22 está a menos de um mês da grande final, mas Boninho conseguiu incluir no calendário uma das dinâmicas mais polêmicas do programa, o cobiçado paredão falso. Arthur Aguiar venceu a votação popular em um paredão quádruplo, formado também por Eliezer, Gustavo e Linn da Quebrada, e foi encaminhado para um quarto secreto, onde poderá usar comandos contra seus adversários e acompanhar o que rola dentro da casa mais vigiada do Brasil.

Apesar de ser uma dinâmica interessante para a construção de novas narrativas, ela nem sempre foi executada da melhor maneira. Presente em outras seis edições do programa, o paredão falso já rendeu alguns dos momentos mais icônicos da história do reality show, assim como também alguns dos mais vergonhosos. Por isso, elaboramos uma lista ranqueando os seis primeiros paredões falsos do BBB, do pior ao melhor, com suas respectivas justificativas.

Gabriela (BBB 19)

O paredão falso mais curto da história aconteceu no BBB 19, considerada por muitos a pior edição do reality show de confinamento. Na dinâmica, Gabriela foi escolhida pelo público para sair da casa e retornar pela despensa poucos minutos depois. Isso mesmo. A designer gráfica não ficou sequer 5 minutos fora do confinamento.

Ela magicamente apareceu na despensa do programa e, atravessando à sala, se dirigiu ao jardim, onde todos os participantes estavam (ainda) lamentando sua eliminação, visto que a participante era querida por todos dentro da casa. Um momento sem emoção, com lágrimas forçadas e uma enorme poção de vergonha alheia.

Emilly (BBB 17)

Inesperadamente, Tiago Leifert surpreendeu os participantes do BBB 17 os informando que uma dinâmica inédita estrearia naquela edição. Segundo o apresentador, eles passariam a ter o poder supremo do jogo e, assim como o público, poderiam eliminar um outro competidor do programa.

Com 6 votos, Emily foi direcionada ao confessionário, por onde ela seria supostamente retirada do confinamento. No entanto, poucos minutos depois, a estudante apareceu no quarto do líder e logo entendeu que, na verdade, estava participando de uma eliminação falsa.

Sua reação indicou que nem a própria “eliminada” acreditou na veracidade da dinâmica. Um momento extremamente apático e que só serviu para dividir a casa em dois grupos, que passaram a morar em lados diferentes da casa divididos por um muro.

Carla Diaz (BBB 21)

Carla Diaz, do BBB 21.

O retorno de Carla Diaz ao BBB 21 vestida de Dummy é uma das cenas mais emblemáticas da história do programa. A que veio logo a seguir, no entanto, é com certeza uma das mais vergonhosas. De joelhos, ela pediu para que Arthur fosse seu aliado até o fim do jogo e oficializou o relacionamento com o instrutor naquele momento. A atitude da atriz irritou o público, que já havia presenciado diversas cenas em que Picoli de Conduru criticava o comportamento da estrela de “Chiquititas” e a tratava mal por “bobagens”.

Além disso, Carla manteve sua pesonalidade extremamente pacifista e rapidamente perdoou todos os adversários que ela ouviu a criticarem, o que a impediu de criar narrativas relevantes que tornassem sua participação mais notória no programa. Não bastasse, não usou o poder de vetar uma decisão do anjo que tinha validade de suas semanas. Tudo bem que o poder era decepcionante, mas não significa que ele fosse descartável, certo?

Anamara (BBB 13)

Anamara, do BBB 13.

O fator novidade é sempre algo que chama atenção, o que nos leva a colocar Anamara, a estreante dos paredões falsos do BBB, nessa posição. A ex-policial participou do programa global pela primeira vez em 2010, quando foi eliminada na reta final da competição em um paredão emocionante contra Lia.

Ela teve a oportunidade de retornar ao jogo no BBB 13, junto de outros ex-participantes do reality show. A sister participou do terceiro paredão da edição, o primeiro falso da história do programa, e foi escolhida para ir ao quarto secreto assistir a tudo que acontecia dentro do confinamento.

Quando retornou ao jogo dois dias depois, Anamara pôde indicar uma pessoa direto ao paredão e optou por Aslan, um dos participantes que ela ouviu criticá-la enquanto estava no quarto secreto. Sua indicação foi certeira e o brother deixou o programa com 79% dos votos, a maior rejeição daquela temporada.

Gleici (BBB 18)

Gleici, do BBB 18.

No BBB 18, o grupo de Patrícia conseguiu elaborar um plano perfeito que colocou três amigos no mesmo paredão: Gleici, Mahmoud e Paula. O trio, que já estava triste em enfrentar a eliminação juntos, lastimaram ainda mais quando descobriram que aquela seria uma eliminação dupla e que apenas um deles permaneceriam na competição.

Acontece que apenas Mahmoud foi de fato eliminado pelo público, que desde o princípio sabia que o menos votado naquele paredão iria para um quarto secreto localizado no segundo andar da casa assistir a tudo que acontecia na casa principal. Gleici foi a menos votada e a beneficiada pela dinâmica.

A estudante de psicologia soube usar as informações que coletou como ninguém e retornou ao jogo cravando sua rivalidade contra o grupo de Patrícia, que foi sua indicação direta ao paredão naquela semana. A funcionária pública bateu, naquela época, o recorde de maior rejeição em um paredão triplo, deixando a competição com mais de 94% dos votos.

LEIA TAMBÉM: Dummy aparece de surpresa no jardim do BBB e membros do Lollipop se frustram por não ser a Jade

A icônica frase “Você não sabe o prazer que é estar de volta”, dita pela primeira vez por uma personagem da novela “Um Lugar do Paraíso“, passou a ser associada à participante, que com carisma, humildade e uma participação efetiva no programa, se consolidou como a campeã daquela edição.

Ana Paula (BBB 16)

Ana Paula, do BBB 16.

Ana Paula foi a segunda competidora a participar de um paredão falso e fez do momento um grande evento. Considerada pelo público uma grande anti-heroína, ela tinha motivos de sobra para ser eliminada. No entanto, espontânea, sincera além da conta e barraqueira assumida, a jornalista conquistou os telespectadores com características que poderiam fazer qualquer outro participante ser odiado.

A eliminação de Ana Paula era aguardada por pelo menos metade dos participantes do BBB 16 e até aqueles que gostavam dela previam que seu comportamento temperamental a impediria de ir longe na competição. Quando Pedro Bial anunciou que ela deixava o confinamento após enfrentar paredão duplo contra o aliado Ronan, ninguém questionou a veracidade do paredão. Para todos, a saída da participante já era uma certeza que logo mais se concretizaria.

Essa convicção deu início ao paredão falso mais emblemático da história do reality show. Quando descobriu que estava participando da dinâmica, Ana Paula se jogou no chão do quarto secreto, uma reação emocionante que até hoje é replicada nas redes sociais anualmente. Ela memorizou cada palavra usada contra ela enquanto assistia seus rivais comemorando sua eliminação para usar no momento mais oportuno possível.

Quando regressou ao jogo, Ana Paula deu origem a um dos memes mais icônicos do programa. Ela acordou suas rivais, que dormiam no quarto do líder, gritando o inesquecível “Olha ela!”. Sem medo, ela afrontou Juliana, questionando-a: “Qual seu grau de ameaça agora?“. Ela ainda prometeu fazer daquela casa um inferno e assim o fez até o dia em que foi expulsa após agredir Renan em uma das festas. Arriscado dizer, mas talvez estejamos falando sobre a maior participante que já pisou nesse programa.


leia também:
    Mais lidas
Sobre nós
O Portal Popeek foi fundado em novembro de 2019 por amantes das culturas pop e geek, visando informar seu público sobre as novidades nos mundos do cinema, televisão, literatura e múisca, prezando sempre pela transparência e agilidade no trabalho.
E-mail:
[email protected]

Redes sociais:
Popeek © 2019 - 2022
Tema por Danielle Cabral